Ata da XI Assembleia Nacional da Associação dos Missionários Leigos Vicentinos

“Com efeito, quem exprime  melhor a maneira de viver de Jesus Cristo na terra do que os missionários? […] imaginemos que [DEUS] nos diz: sai missionários, sai !Vós ainda aqui estais e há tantas pobres almas à vossa espera. Talvez a sua salvação dependa das vossas pregações, das vossas catequeses ! “

( SVP,XI 55 – 56 )

Aos cinco dias do mês de setembro de 2016, sábado no  Instituto São Vicente de Paulo em Belo Horizonte (MG) com o Tema “ 400 Anos do carisma Vicentino “ Eu era estrangeiro e me Acolheste”, fez-se a abertura da XI Assembleia Nacional do MISEVI.

Inicialmente,  a Ir Rizomar nos presenteou com um vídeo: “Vinde Espírito santo “invocando a luz do Paráclito para Nossa Assembleia. Em seguida o núcleo Nossa senhora da Medalha Milagrosa fez a oração da manhã, rezando a Oração do MISEVI.

Foram ao todo 26 participantes, conforme lista de presença em anexo, representantes dos núcleos: São Vicente de Paulo de Belo Horizonte, Irmã Lindalva de Contagem, São João Gabriel de Perboyre do Paulo VI, São Francisco Regis Clet de Contagem, Curato do divino Espírito santo, ,Nossa Senhora da Medalha Milagrosa de São Paulo, e, Santa Luisa de Marillac de santa Luzia.

Selene Maria Martins dos Santos presidente do MISEVI, deu abertura à XI Assembleia nacional do MISEVI, lendo a carta de boas vindas cujo tema era “Eu era estrangeiro e me Acolheste “; a seguir assistimos ao vídeo sobre o Bom Pastor, explicado por Ir Rizomar nos convocando a colocar-nos nas mãos de Jesus o Bom Pastor. Reflexão e partilhas por todos os participantes.

A seguir seguiu-se o café da manhã.

Dando continuidade aos trabalhos, tivemos as apresentações das caminhadas dos núcleos, desde a assembleia de 2015 até agosto de 2016, demonstrando amadurecimento na organização, ressaltando o empenho do trabalho dos coordenadores e dos leigos nas atividades desenvolvidas e nos encontros mensais de cada núcleo.

Às 11 horas, com assessoria da Cs Ada, ex presidente Nacional da FV, foi desenvolvido o Tema: “Ano da Misericórdia e as obras de Misericórdias corporais e Espirituais. “Fui peregrino e me recebeste…”Vídeo os  incontados  rostos dos marginalizados”. Eterna é a sua Misericórdia Mt 25,34 – 36. É preciso escutar olhando e olhar sentindo.

Às 12 horas foi servido o almoço.

À 1:30 horas retomamos nossas atividades com a apresentação dos núcleos relacionadas as perguntas enviadas no Edital de Convocação:

  1. Quem são os estrangeiros de nossa vizinhança?
  2. Como os apoiamos atualmente?
  3. Quais são as novas necessidades que estão surgindo?
  4. Como podemos atender às essas necessidades
  5. Poderíamos ser os estrangeiros necessitando de acolhimento?

No início a Ir Rizomar, esclareceu sobre o Logo dos  400 anos da Família Vicentina que nos convida a viver como Família em nosso mundo. ( Em anexo )

E, sobre o tema central dos 400 anos “Eu era estrangeiro e vocês me acolheram “

Todos os núcleos responderam as questões propostas e finalizando esta etapa,  Ir Rizomar concluiu agradecendo os trabalhos dos grupos e sugerindo os pequenos trabalhos que podem ser feitos junto aos estrangeiros mencionados nesses grupos.

A partir daí, os participantes reuniram-se em grupos para propor um projeto para ação conjunta com toda a família Vicentina. Na Plenária, foi aprovado por unanimidade o “Projeto de  Atendimento aos Visitantes de presos no cárcere de São Joaquim de bicas cujo nome proposto foi  PAVIP(Projeto de Atendimento Visitantes de Presos ).

Às 17:30,  Nossa assessora Ir Rizomar  fez a orientação para a eleição da nova coordenação Nacional do MISVI, fazendo leitura minuciosa dos Estatutos e esclarecendo todas as dúvidas sobre eleição  de coordenação nacional de MISEVI..

Fez-se uma pausa nas atividades para o banho e o Jantar às 18:30.

Às  19:30 horas nos  reunimos na capela para adoração ao Santíssimo Sacramento, momento espiritual preparado pelos núcleos São Francisco Regis Clet e São João Gabriel Perboyre.

Às 20:30 horas fez-se a confraternização onde foi servido comida de boteco.

Dia 04 de setembro os trabalhos iniciaram às 7:30 horas com o Louvor da Manhã feita pelo núcleo SVP de Belo Horizonte .Motivou este momento espiritual o a partir da meditação do Evangelho de Lc 10, 1 -9. “Missão dos setenta e dois “.

Às 8:00 horas foi servido o café da manhã. Às 8:30 retomamos as atividades com a prestação de contas pela tesouraria da coordenação Nacional. Balancete 2015 –  2016 com um saldo de R$ 1.597,36.

Às 9:00 horas abriu-se para apresentação de candidatos a eleição para presidente da Coordenação Nacional : Apenas um candidato se apresentou Selene Maria Martins dos Santos, orientados pela assessora nacional, fez-se a contagem dos votantes no total de 22.

Neste período, foi aberto espaço a todos para apresentar-se como candidatos ou não. Dona  Maria Elza silva Miranda vogal da coordenação, se apresentou dizendo não poder ser candidata por motivos pessoais, Myrna também pediu para não fazer mais parte da coordenação no momento por motivos pessoais. Outras como   Zózima , Rafilda e Conceição Solar também mostraram desejo de não participarem como candidatas.

Logo após assistimos ao vídeo “As lições do Bambu “para considerarmos  a importância da união. A seguir fez-se a invocação ao Espírito Santo pelo núcleo Santa Luísa Marillac e seguiu-se a eleição.

No primeiro escrutínio: Selene Maria Martins dos Santos foi reeleita presidente com mais de dois terços dos votos, somando um total de 20 votos. Os demais votados neste escrutínio seguem a seguinte ordem

Michel – 1 voto

Branco – 1 voto

No escrutínio para escolha dos demais componentes da Coordenação Nacional ficou assim:

Deusa das Graças Perdigão foi o primeiro membro eleito no terceiro escrutínio para compor a coordenação Nacional por maioria absoluta de votos 12 votos.

Primeiro escrutínio                      segundo escrutínio                terceiro escrutínio

Antônio Sobrinho – 4 votos         Deusa  – 12 votos         Deusa = 12 votos

Michel –                  5 votos         Geraldo –  1 voto            Michel   – 7 votos

Deusa                     5 votos         Michel       7 votos          Edna –     1 voto

Edna                       4 votos         Antônio     1 voto            Antônio   1 voto

Lucia                       1 voto           Edna         1 voto           Geraldo   1 voto

Clarice                    1 voto

Geraldo                   2 votos

Neste Segundo escrutínio Michel foi o segundo membro eleito a ser escolhido para Coordenação Nacional no segundo escrutínio com 16 votos.

Primeiro escrutínio                    segundo escrutínio

Michel     13 votos                    Michel   16 votos

Antônio    4 votos                    Antônio    2 votos

Edna        4 votos                    João B.    2 votos

Geraldo    1 voto                      Geraldo   2 votos

Antônio Sobrinho foi o Terceiro membro escolhido para Coordenação nacional no segundo escrutínio com 17 votos

Primeiro escrutínio                               segundo escrutínio

Antônio   10 votos                               Antônio   17 votos

Edna         5 votos                               Edna        2  votos

João B      2 votos                               Geraldo    3 votos

Geraldo     4 votos

Graça        1 voto

Edna foi escolhida o quarto membro da Coordenação Nacional no primeiro escrutínio com 16 votos

Primeiro escrutínio

Edna     16 votos

Geraldo   4 votos

João B     2 votos

O quinto membro a compor a Coordenação Nacional foi Lúcia escolhida no segundo escrutínio com 17 votos.

Primeiro escrutínio                               segundo escrutínio

Lúcia          12 votos                            Lúcia          17 votos

Geraldo        6 votos                            Geraldo        5 votos

Graça           1 voto

João B          2 votos

Conceição    1 voto

Terminada a eleição a Coordenação Nacional do MISEVI ficou composta pelos seguintes membros eleitos:

Selene Maria Martins do santos                        Núcleo Irmã Lindalva

Deusa das graças Perdigão                 Núcleo SVP de BH

Michel J Luiz do Rosário                      Núcleo Medalha Milagrosa de SP

Antônio  Luiz Sobrinho                         Núcleo Santa Luisa Marillac de Santa Luzia

Edna Maria de faria Araujo                   Núcleo S.J Gabriel Perboyre  do Paulo VI

Lucia de Fátima Martins de Moura         Núcleo S. Francisco Regis Clet – Curato do Espírito santo

Numa primeira reunião da coordenação  serão designados aos membros os cargos de: tesoureiro(a), secretario (a),e, suplentes.

Após a eleição foi rezada a missa  pelo Pe Vinícius, assessor nacional do MISEVI.

À tarde fez-se a inversão da pauta, fazendo-se a avalição da assembleia ressaltando os pontos positivos e negativos. Como pontos positivos  ressaltou o local da assembleia, a sinceridade em aceitar ou não se eleito para compor a coordenação, as lembranças distribuídas pelos núcleos, pontualidade nos horários e a Oração. Como pontos negativos para ser melhorados, citou-se: a falta do núcleo do RN, celulares ligados com volume , falta de crachás e pouca divulgação.

Criou-se um setor de comunicação que propôs criar um aplicativo para baixar no play store. Este setor será de responsabilidade do Michel e do Adalberto. Cada núcleo terá um responsável para enviar notícias ao setor de comunicação.

Definiu-se a data da próxima assembleia para 16 e 17 de setembro de 2017. Local ISVP.

Por fim, os agradecimentos feitos pela Ir Rizomar e Selene ao grupo e assistiu-se um vídeo com as falas de São Vicente. Benção final ao grupo e encerramento da assembleia.

Eu, Deusa das Graças Perdigão, secretária, lavrei a presente ata que depois de lida e aprovada será a anexada à lista de presença.

Belo Horizonte, 04 de setembro de 2016

Envie uma resposta

*

captcha *